Lições “gourmet” para povos famintos

A secretária executiva da Comissão Económica da ONU para África (ECA), Vera Songwe (na foto recebendo a bênção de João Lourenço), defende que os países africanos têm de implementar reformas para potenciarem o benefício da ajuda internacional, nomeadamente na canalização dos recursos para o investimento reprodutor. “Os países africanos têm de implementar reformas, mobilizar recursos internos e garantir uma economia mais digital, para além de assegurar transparência no uso dos recursos, que têm de ir para os investimentos necessários e reprodutores do crescimento”, disse Vera Songwe. Intervindo na abertura da…

Leia mais