Um líder mundial numa África em (des)agregação

O ideólogo das independências da Guiné-Bissau e Cabo Verde, Amílcar Cabral, foi considerado o segundo maior líder mundial de todos os tempos, numa lista elaborada por historiadores para a BBC. A história de vida de um dos maiores símbolos da resistência ao colonialismo em África, Amílcar Cabral, vai ser retratada num documentário “Amílcar — The African Utopias Maker”, do realizador espanhol Miguel Eek, com estreia está prevista para 2020. A lista é da “BBC World Histories Magazine” e foi feita por historiadores, que nomearam aquele que consideraram o maior líder,…

Leia mais

E o “escolhido de Deus”?

E o “escolhido de Deus”? - Folha 8

O embaixador emérito da Finlândia, Mikko Pyhälä. defendeu hoje, em Coimbra (Portugal), que Amílcar Cabral e Nelson Mandela foram os maiores pensadores e dirigentes políticos de África. M as o dirigente sul-africano não hesitava em afirmar que Amílcar Cabral tinha sido “o principal pensador e maior dirigente político do continente africano”, sublinhou o diplomata finlandês, que falava à margem da conferência “Entre a Finlândia e a Guiné. Mikko Pyhälä e Amílcar Cabral (1970-1971): Testemunho de um antigo dirigente da União Internacional de Estudantes (UIE)”. A comparação entre os dois nomes…

Leia mais

Amílcar Cabral e a luta de libertação

“Os Movimentos de Libertação e o 25 de Abril” é o nome do colóquio que o edifício dos Serviços Centrais da Câmara Municipal do Seixal (Portugal) acolhe no dia 30 de Setembro. A iniciativa relembra o histórico fundador e líder do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) e conta com a presença de Luísa Teotónio Pereira, do Centro de Intervenção para o Desenvolvimento Amílcar Cabral (CIDAC), Ângela Coutinho, investigadora de História Contemporânea, e Sérgio Ribeiro, economista. Nascido na Guiné e educado em Cabo Verde, Amílcar Cabral…

Leia mais