ANGOLA. A Agência Geral Tributária (AGT) prorrogou hoje o prazo de cobrança da taxa de circulação para o dia 30 deste mês (Abril), contra a anterior data de 31 de Março.

As razões do adiamento prendem-se com o novo modelo adoptado pela AGT na relação com revendedores e também devido à grande afluência verificada nos últimos dias nas repartições e postos fiscais.

Essa afluência tem a ver com a maior consciencialização dos cidadãos e com as várias campanhas de sensibilização realizadas pela AGT nas várias regiões tributárias, disse em Luanda, o director da Direcção Técnica da Agência Geral Tributária, Shinya Jordão.

Argumentou que a prorrogação não está ligada à arrecadação de mais receitas nem ao factor habituação, adiantando, entretanto, que a AGT gostaria de ter mais repartições e postos fiscais assim como revendedores.

Entretanto, a AGT reconhece que os números de postos e repartições fiscais não são suficientes para atender à procura. Por isso, investir mais em sistemas informáticos, facilitando as formas dos meios de pagamentos para que o governo possa ser financiado pelo tributo, que todos são obrigados a pagar, constitui aposta da AGT.

Referiu que o número de selos mantém-se (900 mil) e até ao momento a Agência Geral Tributária já arrecadou cerca de dois mil milhões de kwanzas que representam 400 mil selos vendidos.

Angop

Partilhe este Artigo