ANGOLA. O Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, dispensou hoje dos cargos de ministros da Defesa, João Lourenço, e da Administração do Território, Bornito de Sousa, candidatos do MPLA a Presidente e Vice-Presidente da República, respectivamente, nas eleições de 23 de Agosto.

Um comunicado da Casa Civil do Presidente da República distribuído hoje à imprensa refere que o despacho assinado pelo chefe de Estado angolano, José Eduardo dos Santos, na segunda-feira, tem como fundamento a Constituição angolana e a Lei Orgânica sobre as Eleições Gerais.

O despacho refere que os diplomas legais estabelecem que os candidatos a Presidente da República, a vice-Presidente da República e a deputados a Assembleia Nacional têm direito à dispensa do exercício das respectivas funções, sejam públicas ou privadas, nos 30 dias anteriores à data do escrutínio.

Para ocupar estas pastas, o Presidente angolano designou Salviano de Jesus Cerqueira, secretário de Estado para os Recursos Materiais, para responder pelos assuntos correntes do Ministério da Defesa, e Adão de Almeida, secretário de Estado para os Assuntos Institucionais, para os assuntos correntes do Ministério da Administração do Território.

Partilhe este Artigo