No tempo (impoluto e sério)
de Ana (Lourenço) ministra

1 de Outubro de 2008. O Presidente da República de Angola indicou nesse dia, há portanto dez anos, os ministros que iriam integrar o novo executivo para a legislatura que arrancou oficialmente a 15 de Outubro. Não era mais do mesmo, mas pouco mais era. Na Defesa, José Eduardo dos Santos manteve Kundi Paihama, certamente também e de novo recompensado por ter descoberto há muito tempo, entre outras pérolas caninas, que Angola é habitada por dois tipos de pessoas: os angolanos e os kwachas. Nas Relações Exteriores, Assunção Afonso dos…

Leia mais

De sipaio colonial
a colonial sipaio

Os problemas que o país vive devem-se à actual crise económica e financeira, e não à má governação dos dirigentes do MPLA, conforme a UNITA tem vindo a dizer, esclareceu o governador do Cuando Cubango, Pedro Mutindi. O governador não sabe que para ser burro só lhe faltam as penas. Mas, pelos vistos, João Lourenço também não sabe. Por Norberto Hossi Pedro Mutindi, um sipaio que mostra como o MPLA escolhe os seus altos quadros, falava no encerramento da reunião do conselho provincial de auscultação social, explicou que Angola está…

Leia mais