EFEITOS DA GUERRA NA UCRÂNIA EM ÁFRICA

“Podemos continuar como de costume, fingindo que nada mudou na cena internacional, após a criminosa invasão russa da Ucrânia, ou podemos passar da mera condenação verbal para actos concretos na próxima Assembleia Parlamentar Paritária entre África, Caraíbas, Estados do Pacífico e a União Europeia. Por Carlos Zorrinho (*) Quer queiramos quer não, a próxima Assembleia ACP-UE, que se inicia em Estrasburgo na sexta-feira 1 de Abril, enfrentará um dilema crucial: se vamos transformar o multilateralismo num mero exercício dialéctico, deixando as decisões cruciais para as relações de poder entre Estados,…

Leia mais