PORTUGAL. A convite do Governo da importante província chinesa de Jiangsu, deslocou-se hoje a Macau, e seguirá depois para a capital desta província, uma delegação da UCCLA (União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa) chefiada pelo Secretário-Geral, Vítor Ramalho.

A delegação integra o presidente do grupo empresarial Entreposto que é, também, vice-presidente da UCCLA, Pedro Palhinha, o presidente do Município do Cazenga (Angola), Vítor Narciso, o representante do presidente da Câmara de Maputo (Moçambique), Simão Mucavele, e do coordenador cultural da UCCLA, Rui Lourido.

A delegação vai, pela primeira vez, assinar um memorando em Macau para incrementar as relações concretas de cooperação económica e comercial entre 14 cidades de Jiangsu e 14 cidades do mundo lusófono indicadas pela UCCLA.

Perante o Governo de Macau, da província de Jiangsu e de 30 empresários de grande dimensão, o Secretário-Geral vai, a pedido expresso da entidade convidante, ter várias intervenções sobre as eventuais parcerias a estabelecer com empresas chinesas e do mundo lusófono, para dar respostas às prioridades infra-estruturantes das cidades associadas da UCCLA.

Na província de Jiangsu, a delegação vai, ainda, visitar a mais importante e recente área industrial e participar em iniciativas com universidades portuguesas, convidadas para o efeito, e universidades da província de Jiangsu.

Partilhe este Artigo