UNITA ACREDITA NA REGENERAÇÃO DO MPLA

O presidente da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, defendeu hoje reformas na Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola, “para se acabar com golpes de Estado institucionais”, considerando que 2022 ficou marcado pela mais renhida disputa eleitoral “em que os vencedores cederam para evitar banho de sangue”. dalberto da Costa Júnior, presidente da UNITA, maior partido na oposição que o MPLA ainda permite que exista, afirmou também que este foi um ano de “sucessivas batalhas, do retorno às prisões políticas de jovens activistas e de intimidações de todo o tipo”. “Tentativas…

Leia mais