O Tribunal Provincial do Huambo condenou ex-gestores públicos do governo da província a nove anos de prisão efectiva, pela prática do crime de peculato, no caso que ficou conhecido como “restos a pagar” e causou um prejuízo global de mais de mil milhões de kwanzas ao Estado. Eles eram militantes de que partido? Foram nomeados pelo presidente de que partido?

Nota: Imagem e opinião de um leitor e que só vinculam o seu autor (devidamente identificado).