Cerca de 30 empresas portuguesas reuniram desde Março 15 toneladas de bens alimentares que no dia 16 vão seguir num contentor de 30 metros quadrados para Angola, revelou hoje fonte da campanha Let’s Continue to Give.

A iniciativa vai ser apresentada na quinta-feira na Administração dos Portos do Douro e Leixões (APDL), em Leça da Palmeira, Matosinhos, e envolve a pintura do contentor através da intervenção de “vários artistas”, acrescentou a mesma fonte.

De acordo com a assessoria da campanha, a ideia partiu da intenção do director geral da empresa Step Inside de fazer um projecto de responsabilidade social mas acabou por envolver “cerca de 20 empresas produtoras ou doadoras”, num total de “mais ou menos 30” entidades envolvidas.

O resultado do projecto pensado “há um ano” e que partiu para o terreno “em Março” foi a angariação de 15 toneladas de produtos alimentares e cerca de 10 toneladas de outro tipo de produtos correspondentes a necessidades básicas, como guardanapos.

O contentor, que tem a pintura artística agendada “entre sexta-feira e sábado”, parte para Luanda, em Angola, no dia 16, esperando-se que lá chegue no início de Novembro, esclareceu a fonte da assessoria da Let’s Continue to Give.

A expcetativa, acrescentou, é que os produtos comecem a ser distribuídos “no fim de Novembro, início de Dezembro”.

Segundo a mesma fonte, a campanha teve a preocupação de “assegurar que os alimentos cheguem a quem realmente precisa”, pelo que conta com o apoio do Banco Alimentar de Angola.

Isabel Jonet, da Entrajuda /Banco Alimentar Contra a Fome será, aliás, quem vai presidir ao evento de apresentação da campanha, pelas 17:00, no Auditório Infante D. Henrique da APDL

Partilhe este Artigo