«Caros compatriotas, razões independentes à minha vontade me mantiveram longe do país durante os últimos meses. Para todos nós Angolanos, homens e mulheres, jovens e idosos, independentemente da religião ou da filiação política que possamos ter, este período de início de ano é o tempo do balanço, mas também das promessas e das resoluções para o futuro.

Apesar da distância, tenho-vos sempre presente no meu coração, e os meus sentimentos e pensamentos estão convosco. Compartilho os vossos sofrimentos e vossas esperanças.

Como militante engajado do meu partido e com sentido de compromisso, desejo sucessos ao Presidente João Lourenço, desejo sucesso a todos os membros do Bureau Político e do Comité Central e desejo sucesso a todos os camaradas que constituem a massa militante do MPLA. Na conjuntura económica e social específica que o país atravessa, sei que não há nada mais difícil do que liderar uma nação que enfrenta adversidades.

Tenho confiança na força do nosso povo porque, ao longo da nossa história, é nestes momentos de incerteza e dificuldades que conseguimos revelar o melhor em nós mesmos; e escrever as páginas mais gloriosas da nossa história de Angola.

Unidos, sempre superamos todos os desafios. Do mesmo modo que juntos conquistamos a paz, venceremos a aposta da prosperidade económica e do bem-estar dos angolanos, na unidade, no diálogo e no respeito mútuo.

Somos uma grande nação. O que nos une será sempre mais forte do que nos separa, porque quaisquer que sejam as ideias que defendemos, todos temos Angola no coração.

Desejo a todos angolanos e angolanas, um ano 2020 com saúde, paz e prosperidade. Com essa convicção, tenho confiança no nosso futuro. Que este ano traga a todos paz, saúde e felicidade.
Feliz 2020!

José Eduardo dos Santos»

Partilhe este artigo