O novo presidente do MPLA, João Lourenço, na primeira reunião extraordinária do MPLA, realizada hoje, dia em que foi eleito, por volta das 22h58, como era de se esperar, começou a varrer a casa e a entregar “guias de marcha” a alguns dinossauros, considerados não só radicais, como próximos de José Eduardo dos Santos e, alguns que em determinadas alturas, se opuseram ao novo homem forte do MPLA.

Assim, na primeira reunião do Comité Central, saíram do Bureau político, Dino Matross, Paulo Kassoma, Joana Lina, Bento Bento, Norberto Garcia, entre outros, tendo das caras novas, entrado Álvaro Boavida Neto, actual governador do Bié, Luísa Damião (foto), PCA da ANGOP, Mara da Silva Baptista, governadora do Bengo, Sílvia Paula Lutucuta, ministra da Saúde, o engenheiro Pedro Teta, Luís Nunes do MPLA da Huíla, entre outros, são a nova equipa de choque no Bureau Político de João Lourenço.

O Comité Central do MPLA elegeu esta noite Luísa Pedro Francisco Damião como vice-presidente do partido e Boavida Neto como secretário-geral.

Luísa Pedro Francisco Damião é jornalista de profissão e deputada do MPLA pelo Círculo Eleitoral Nacional desde 2012. Preside, actualmente, ao Grupo de Mulheres Parlamentares.

Foi, igualmente, secretária nacional para informação e novas tecnologias da Organização das Mulheres Angolanas (OMA). É mestra em Ciências da Comunicação e já trabalhou como jornalista, psico-pedagoga e comunicóloga.

De 2002 a 2007, foi conselheira de imprensa da Embaixada de Angola em Cuba. Entre 2007 e 2009, foi directora de informação da Agência Angola Press (ANGOP) e, posteriormente, administradora para informação.

Álvaro Manuel de Boavida Neto foi governador da província do Namibe e actualmente desempenha as funções de governador e primeiro secretário provincial do MPLA no Bié. É técnico superior na especialidade de pedagogia.

Durante o VI congresso extraordinário, que teve lugar igualmente neste sábado, João Lourenço foi eleito como presidente do MPLA com 98.59 por cento, de um universo de 2.448 delegados.

Partilhe este Artigo