O Presidente João Lourenço termina esta terça-feira (2/07) a sua primeira visita oficial a Cuba, cujo objectivo oficial é diversificar a cooperação entre estes dois países ligados por laços históricos, ou antes “entre o MPLA e o Partido Comunista Cubano”, como refere o jornalista angolano Orlando Castro, director adjunto do diário Folha 8, em entrevista à RFI e hoje divulgada.

Orlando Castro considera que esta visita apenas mostra “a subserviência do MPLA em relação a Cuba… o servilismo sobretudo ao PCC que através de mercenários ajudou as FAPLA a ganhar a guerra”.

Orlando Castro insurge-se ainda sobre a homenagem em Havana ao ex-Presidente Agostinho Neto que “mandou assassinar milhares de angolanos…o que prova que esta visita não é a de um estadista, mas do líder de um partido”.

Oiça a entrevista em http://pt.rfi.fr/angola/20190702-angola-joao-lourenco-em-cuba-prova-subserviencia-do-mpla-ilha-e-ao-pcc

Partilhe este artigo