ANGOLA. Victória Francisco Correia da Conceição, exonerada do cargo de ministra angolana da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, na noite do dia 2, morreu às 21 horas de quinta-feira, 3, vítima de um tiro na cabeça, confirmou à VOA uma fonte médica da clínica Girassol onde estava internada.

Fontes bem informadas indicam que Victória da Conceição terá retirado a arma do guarda da sua casa, enquanto dormia, com a qual disparou contra a cabeça.

Ontem, os médicos tentaram estabilizá-la visando a sua transferência para um centro hospitalar no exterior mas não resistiu.

Victória Francisco Correia da Conceição tomou posse a 4 de Outubro de 2017, nomeada pelo Presidente João Lourenço que a exonerou a 2 de Janeiro.

Formada em psicologia pelo Instituto Superior de Ciência de Educação da Universidade Agostinho Neto, era mestre em psicologia social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil.

Correia da Conceição foi vice-governadora da Huila, secretária de Estado da Família e Promoção da mulher, deputada da Assembleia Nacional e era membro do Comité Central do MPLA.

Até agora não houve qualquer pronunciamento da família ou do Governo.

Partilhe este artigo