MOÇAMBIQUE. Uma pessoa morreu e outra ficou ferida num novo ataque de homens armados, no distrito de Báruè, centro de Moçambique, numa zona próxima do local onde o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, cumpriu hoje uma visita.

A equipa de jornalistas, que cobre a visita presidencial à província de Manica, testemunhou, na sede do distrito Vanduzi, o transporte de um corpo tapado com um pano branco e uma outra pessoa ferida, numa viatura de caixa aberta dos serviços de saúde, proveniente da zona do ataque.

“A coluna que fazia o sentido Catandica-Vanduzi foi atacada no fim do dia, e há feridos num chapa [carrinha de transporte de passageiros]”, disse um transportador, que estava integrado na coluna de viaturas, num troço sujeito, desde Junho, a escoltas militares obrigatórias.

Na sexta-feira, dois carros que transportavam um grupo de jornalistas, destacados para cobrir a visita do Presidente moçambicano à província de Manica, foram atingidos a tiro, numa zona próxima do ataque de hoje.

Partilhe este Artigo