PORTUGAL. As exportações portuguesas diminuíram 39,9% para Angola, 22,6% para os EUA e 29,6% para a China, enquanto nas importações, Espanha foi o país que mais contribuiu para a redução global das importações, tendo atingido uma variação homóloga de -5,7%.

Em termos globais, as exportações portuguesas caíram 4,6% e as importações 7,2% em Julho deste ano, face a igual período do ano passado, segundo dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo o INE, entre os principais países de destino em 2015, evidencia-se que os países Extra-UE foram os que mais contribuíram para a redução global das exportações verificada em Julho de 2016.

O défice da balança comercial de bens diminuiu 174 milhões de euros para os 557 milhões de euros em Julho, face ao mesmo mês de 2015, enquanto o défice da balança comercial, excluindo os combustíveis e lubrificantes, reduziu-se em 13 milhões de euros, situando-se nos 353 milhões de euros.

Partilhe este Artigo