ONU. O ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, agradeceu hoje aos EUA o apoio que deram “desde o início” à candidatura de António Guterres ao cargo de secretário-geral das Nações Unidas.

Santos Silva falava numa iniciativa da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD), dedicada às eleições presidenciais nos EUA, que decorreu hoje em Lisboa.

“Agora posso dizer e agradecer o apoio e a compreensão que deram desde o início à candidatura do engenheiro António Guterres”, afirmou o chefe da diplomacia portuguesa, salientando a importância do apoio americano para o carácter “global” e “representativo” da candidatura do ex-primeiro-ministro português.

O Conselho de Segurança da ONU escolheu na quinta-feira por unanimidade e aclamação António Guterres como secretário-geral da organização, decisão que deverá ser ratificada na próxima quinta-feira pela Assembleia Geral da organização.

O reino de sua majestade o rei de Angola, José Eduardo dos Santos, teria também gostado de ouvir mais um agradecimento ao seu empenho para a escolha de António Guterres. Mas certamente não faltarão oportunidades, tal continua a ser a correria de membros do governo de Lisboa em direcção a Luanda.

Partilhe este Artigo