ISABEL DOS SANTOS. Os 85 engenheiros da Efacec a quem a administração da empresa deu até esta quarta-feira para devolverem as viaturas que lhes estavam alocadas já entregaram os automóveis, mas “não se conformam” e prometem “lutar até às últimas consequências” pela reposição da situação.

“Os trabalhadores, não obstante a desconsideração da empresa ao tomar esta medida sem lhes dar qualquer explicação – o que, aliás, se mantém – resolveram ter uma reacção pacífica e entregaram os carros”, afirmou à agência Lusa o advogado Dias Ferreira, que representa o grupo de 85 profissionais.

“Isto obviamente não significa que se conformam com essa medida, contra a qual vão lutar até às últimas consequências no sentido de a situação ser reposta de forma igual ou equivalente”, acrescentou o advogado.

De acordo com Dias Ferreira, não houve até hoje “nenhuma proposta ou contraproposta” por parte da administração da Efacec, desde há algum tempo controlada por Isabel dos Santos, pelo que, “face ao que se passar em concreto” nos próximos dias, os trabalhadores acordarão tomar “as devidas medidas”.

Partilhe este Artigo