VEJA O VÍDEO. O Tribunal Provincial de Luanda, auxiliado pela Polícia Nacional de Angola, desalojou no passado dia 13, a família do idoso Gabriel Manuel Afonso, de 72 anos de idade, de forma violenta e, segundo fontes contactadas pelo Folha 8, ilegal no Distrito Urbano da Ingombota.

Há mais de 40 anos que o idoso Gabriel Afonso vive na mesma residência, letra E, no segundo andar dum prédio localizado na rua Ndunduma (ex-rua das FAPLA), número 54.

A mesma residência foi-lhe concedida na altura pela empresa Socilãn. Passado mais de 4 décadas, a empresa vendeu a residência à empresa Confecções Sociborda, que, com a ajuda do Tribunal Provincial de Luanda e a Polícia Nacional, se apropriou da casa, sem aviso prévio.

Até ao último contacto com o jornal Folha 8, a 19.12.2016, a família do idoso Gabriel Afonso ainda se encontrava desalojada, dormindo na parte de fora do prédio.

Partilhe este Artigo