MOÇAMBIQUE. O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, alertou hoje que a corrupção persiste em “praticamente todo o poder governativo” e apelou aos agentes envolvidos para “libertarem Moçambique deste mal”.

“Infelizmente, este tipo de crime ainda persiste no nosso país em praticamente todo o poder governativo, nos seCtores público e privado, comprometendo as relações socias e humanas”, declarou Nyusi, que discursava numa cerimónia de graduação de oficiais na Academia Militar Marechal Samora Machel, em Nampula.

No dia em que se assinala o Dia Internacional de Luta Contra a Corrupção, o chefe de Estado deixou um apelo “aos corruptores, corrompidos, coniventes e os irresponsáveis que aceitam instruções dos mentores da corrupção para libertarem Moçambique deste mal”.

Partilhe este Artigo