ANGOLA. O embaixador de Angola em Portugal, José Marcos Barrica, defendeu, em Lisboa, a necessidade de se intensificar cada vez mais a cooperação parlamentar entre os dois países.

Ao intervir num almoço de trabalho com o Grupo Parlamentar de Amizade Portugal-Angola, enquadrado no plano geral de actividades da Missão Diplomática em Portugal, disse existir “uma cooperação entre os dois parlamentos baseada em protocolos assinados no passado e que vão sendo renovados e actualizados para ir de encontro à nova realidade dos dois países”.

Salientou que “Angola tem uma Constituição da República e nos termos desta Lei Magna serão realizadas em 2017 eleições gerais, cujo processo de actualização do registo eleitoral decorre neste momento e se prolongará até Março de 2017”.

No almoço esteve presenta fina flor dos acólitos portugueses de José Eduardo dos Santos que integram o Grupo Parlamentar de Amizade Portugal/MPLA: os deputados Virgílio Macedo (PSD e presidente do grupo), Hélder Amaral (CDS/PP e vice-presidente), Fernando Jesus (PS e vice-presidente), Pedro do Ó Ramos (PSD), Miguel Santos (PSD), Paula Teixeira da Cruz (PSD), Domingos Pereira (PS), Joaquim Raposo (PS), Ricardo Bexiga (PS) e João Oliveira (PCP).

Partilhe este Artigo