ANGOLA. Duas pessoas morreram e 29 outras ficaram feridas em consequência de um acidente de viação ocorrido hoje (quinta-feira) na via Expressa, em Luanda, causado por um derrame de combustível (gasóleo), no pavimente no sentido Viana/Belas.

Em declarações à Angop, no local, o porta-voz da Brigada Especial de Trânsito, inspector chefe João Pereira, disse que se trata de uma viatura (carrinha) que fazia serviço de táxi, no transporte de peixeiras, tendo se despistado e capotado numa ribanceira.

“O acidente ocorreu por volta das sete horas da manhã, e foi provocado pelo pavimento escorregadio devido à existência de combustível (gasóleo) no pavimento. A viatura que derramou o combustível, talvez por transporte do produto mal acondicionado, ainda não foi identificada”, sublinhou

De acordo com o oficial da corporação, as vítimas mortais são uma criança de oito meses e uma mulher de 34 anos. Os demais sofreram ferimentos na cabeça, membros inferiores, superiores e tórax, e encontram-se a receber tratamento médico e medicamentoso numa unidade hospitalar pública.

O inspector chefe João Pereira disse que depois do acidente o motorista da viatura fugiu.

Segundo o porta-voz da BET, o transporte de passageiros em viaturas vocacionadas para mercadorias, fez com que as vítimas fossem facilmente projectadas para fora do veículo durante o capotamento.

Em consequência do derrame do combustível no troço, prosseguiu o oficial, mais cinco viaturas despistaram, sem vítimas humanas.

Os bombeiros já iniciaram a limpeza do pavimento, numa extensão de aproximadamente cem metros.

Partilhe este Artigo