ANGOLA. Regista-se hoje a proclamação da Academia Angolana de Letras. A cerimónia realiza-se no Memorial António Agostinho Neto.

Durante a proclamação serão empossados os Corpos Gerentes da A.A.L., cujos membros são: Artur Pestana “Pepetela” (Presidente da Mesa da Assembleia Geral), Boaventura Cardoso (Presidente do Conselho de Administração), Henrique Guerra (Presidente do Conselho Fiscal) e Paulo de Carvalho (Presidente do Conselho Científico).

Tal como vem expresso no manifesto de 7 de Julho de 2016, “hoje, perante os novos e grandes desafios culturais e sociais, os escritores e investigadores sociais angolanos reunidos em torno da Academia Angolana de Letras assumem e renovam o compromisso secular de trabalhar para a dignificação das Línguas Nacionais, da Literatura e dos Estudos Sociais Nacionais, honrando o génio criador e inventivo do Homem Angolano, e baseados na brilhante tradição das gerações precedentes, colocam o conjunto da sua acção criativa e dos saberes endógenos herdados ao longo dos séculos, ao serviço das populações, das comunidades e dos povos, e em especial, das gerações vindouras.”

Partilhe este Artigo