A líder espiritual da Igreja Teosófica Espírita, Profetiza Suzete João, considerou positivo o trabalho realizado pelos deputados no decurso da 3ª Sessão Legislativa da III Legislatura da Assembleia Nacional, que hoje terminou. Os angolanos já podem dormir descansados, mesmo de barriga vazia.

A religiosa teceu esta apreciação quando, hoje, falava à Angop, à margem da cerimónia solene de encerramento da 3ª Sessão Legislativa da III Legislatura da Assembleia Nacional, tendo sustentado a sua opinião com o volume de legislação produzida.

Pelos vistos Profetiza não profetiza grandes coisas em termos de qualidade. Melhor do que tudo isso é a quantidade. Não, não falamos de quantidade de dólares mas, isso sim, de legislação.

Sendo que profetizar significa “predizer por inspiração divina” ou “prever, dizer antecipadamente o que há-de suceder”, Profetiza destacou – certamente com a bênção divina do “escolhido de Deus” – as leis sobre a Simplificação dos Assentos de Nascimento e a Facilitação dos Bilhetes de Identidade que, para si, têm permitido aos cidadãos angolanos tratar estes importantes documentos até em áreas de difícil acesso.

Profetiza sublinhou igualmente as visitas de campo efectuadas pelos deputados aos municípios e a algumas instituições, incluindo as igrejas, onde puderam manter contacto com a população e inteirar-se dos seus problemas, na perspectiva de sugerir soluções exequíveis ao Executivo.

“Humildemente digo que o desempenho dos deputados nesta 3ª Sessão Legislativa foi um êxito e espero que na próxima continuem a primar pela unidade nacional para o fortalecimento da democracia”, profetizou a Profetiza.

A cerimónia, presidida por Fernando da Piedade Dias dos Santos, foi assistida por membros do Executivo e dos órgãos de soberania, entidades eclesiásticas, representantes do corpo diplomático, autoridades tradicionais e actores da sociedade civil.

Todos, incluindo a Profetiza, tiveram certamente a bênção divina do mais alto representante de Deus em Angola, o “querido líder” José Eduardo dos Santos.

Partilhe este Artigo