O governo sul-africano vai promover em 05 de Dezembro, em Pretória, uma celebração oficial para assinalar o primeiro aniversário da morte de Nelson Mandela, anunciou a ministra do Desenvolvimento social citada pela agência oficial sul-africana SA News.

A ministra Bathabile Dlamini precisou que as celebrações no Parque da Liberdade vão decorrer no primeiro aniversário do dia em que “Madiba” morreu na sua casa de Joanesburgo em 2013, e que permanece a principal referência da luta contra o antigo regime do ‘apartheid’.

O objectivo consiste em “manter viva a sua memória” e promover a coesão social, uma das principais preocupações do antigo presidente sul-africano.

“Vamos utilizar o primeiro aniversário da morte de Nelson Mandela para apelar a todos os sul-africanos e ao mundo que mantenham viva a sua memória ao aplicarem os seus valores e prosseguirem os esforços destinados a assegurar que toda a humanidade viva numa sociedade onde a paz, a tolerância, o estado de direito, a justiça e os direitos humanos constituam o cerne dos nossos quotidianos”, disse Bathabile Dlamini.

O Governo vai colaborar com a Fundação Nelson Mandela para promover a cerimónia oficial em Pretória, que será precedida e seguida por diversas iniciativas em datas distintas.

A responsável governamental também anunciou que a Fundação Nelson Mandela vai desencadear a campanha “compra um livro”, um convite à população para comprar e doar livros às suas bibliotecas locais, em particular nas regiões mais necessitadas.

Bathabile Dlamini também emitiu um apelo às igrejas, escolas, fábricas, mesquitas e outras instituições para accionarem no dia 5 de Dezembro os seus sinos, sirenes ou campainhas às 09:57 e mobilizar o país para um período de silêncio entre as 10:00 e as 10:30.

Partilhe este Artigo