Eduardo Rebelo de Sousa vai liderar a empresa no mercado angolano, procurando incrementar a proximidade com os clientes, com um presença permanente no país.

A Innovation Makers nomeou um director-geral, Eduardo Rebelo de Sousa, para operação da empresa em Angola, onde também já formalizou a abertura de uma empresa de direito angolano. O objectivo da organização é garantir uma maior proximidade com os clientes, através de uma presença permanente no mercado.

Para além de Angola, a Innovation Makers desenvolve actividade em Portugal, Cabo Verde, Argélia e Moçambique.

Neste a empresa serve várias empresas do sector bancário e das telecomunicações, e espera aproveitar o conhecimento do executivo sobre o espaço económico. Entre os seus clientes estão a Unitel, o BAI – Banco Angolano de Investimentos ou o Banco SOL.

A organização aposta no desenvolvimento e implementação de soluções tecnológicas para o sector financeiro, telecomunicações. Propõe um conjunto de tecnologia desenvolvida “à medida” e focada na optimização da experiência do utilizador final através de elevados graus de facilidade de utilização e desenho inovador, diz um comunicado.

Para o sector financeiro, a Innovation Makers oferece produtos para a projectos de banca online, banca móvel, quiosques Self-Service, centro de contacto, soluções de balcão e caixa, software para correspondentes bancários ou sistemas de pagamento de serviços e de recargas, entre outros.

Durante 2014, a Innovation Makers tem-se posicionado em Angola como o parceiro tecnológico no mercado de pagamentos, nomeadamente através de soluções que asseguram a ligação das empresas com o sector financeiro, melhorando as formas de pagamento disponíveis para recargas, electricidade, serviços de televisão, entre outros, diz a nota de imprensa.

Partilhe este Artigo