A Organização das Nações Unidas (ONU) vai financiar em 200 milhões de euros nos próximos cinco anos projectos de desenvolvimento em Angola, através das suas várias agências especializadas que atuam no país, foi hoje divulgado em Luanda.

Este novo acordo de parceria, rubricado entre a representação da ONU em Angola e o executivo angolano, prevê um apoio financeiro de 250 milhões de dólares (200 milhões de euros), a aplicar entre 2015 e 2019.

De acordo com informação do Governo angolano, esta verba será utilizada pelas agências especializadas da ONU na implementação de projectos em Angola, em “domínios privilegiados” como a Saúde, Educação, Protecção Social, Direitos Humanos, reforço da governação ou acesso da população à Justiça.

O apoio ao empreendedorismo, como forma de promover a inclusão social e económica da população mais jovem, também está previsto neste novo pacote financeiro.

Entre as agências especializadas com projectos em Angola contam-se o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

O investimento a disponibilizar pela ONU prevê a sua aplicação em projectos de desenvolvimento estabelecidos no documento “Angola Visão 2025” e no Plano Nacional de Desenvolvimento (PND) 2013-2017, preparado pelo Governo.

Partilhe este Artigo