“Balada dos homens que sonham”. Assim se chama a obra que reúne contos de vários autores angolanos e que será apresentada no Camões – Centro Cultural Português a 9 de Outubro pelas 18h00. A obra compila contos de Timóteo Ulika, Eduardo Bettencourt Pinto, E. Bonavena, José Luís Mendonça, António Fonseca, Frederico Ningi, João Tala, Zetho Cunha Gonçalves, José Eduardo Agualusa e Carmo Neto.

A iniciativa foi da União dos Escritores Angolanos que ao fazer a compilação pretende promover a literatura angolana a nível internacional. A obra reúne textos literários em prosa de autores que se revelaram ou publicaram entre 1980 e 2010.

Na base da selecção dos autores e dos contos, estiveram considerações ligadas à forma de abordagem, ao contexto e realidade, bem como à consciência colectiva e às escolhas estéticas e temáticas de Angola e dos angolanos.

Nas palavras de Manuela Costa Ribeiro das “Correntes d’Escrita” a “Balada dos homens que sonham” é um livro de estórias que tecem a História de um país em construção, escritas por autores que se apropriam do português para escreveram com respiração própria, muito sua. A simplicidade das temáticas contrasta com a complexidade de um quotidiano feito de recortes e de uma geografia retalhada de olhares. É, por isso, muito peculiar a realidade idiossincrática grafada e sentida nestes textos, de outras cores e magias, de outros sons e sonhos, de todos os contrastes, a perder de vista, com Angola toda lá dentro.

Partilhe este Artigo