O pintor angolano Guilherme Kianiaki aborda nesta terça-feira, no Instituto Normal de Educação Garcia Neto (INE Garcia Neto), em Luanda, a problemática das artes plásticas e a sua importância durante uma palestra marcada para o efeito.

Segundo o palestrante, em declarações à Angop, as artes plásticas são uma das expressões culturais que requerem um estudo primário, desde a tenra idade, razão pela qual os pais, em casa, devem incentivar as crianças à prática, por exemplo, do desenho.

“Todo utensílio usado pelos seres humanos vem das artes plásticas, por serem antes desenhados e concebidos por alguém, daí que se deve incutir na criança o gosto pelo desenho”, asseverou.

Além da abordagem dos aspectos primários das artes plásticas, mormente o ensino desta arte desde a menoridade, Guilherme Kaniaki vai ainda debruçar-se sobre os aspectos científicos da “arte do belo”, como os tipos de pinturas existentes, o uso das cores e os aspectos filosóficos das obras.

Quando se desenha, apontou, representa-se graficamente o objecto real ou imaginário, sendo que, depois, “dá-se cor e vida”.

“As artes plásticas não se cingem somente em pintar e esculpir, como se pensa, pois abarca a narração da vida do homem no seu todo”, indicou.

A palestra é promovida pelo Atelier Kiniaki Cultural e apoio do INE Garcia Neto.

Partilhe este Artigo